3 erros que você pode estar cometendo ao transmitir sua marca na internet

Transmitir sua marca no mercado digital é muito mais do que ter uma página no Facebook, anunciar os seus preços e esperar que os clientes cheguem até você. Nesse artigo listaremos 3 erros mas também soluções simples de aplicar, para reverter essa situação.
Antes de tudo vamos entender o que significa “transmitir sua marca”:
Marca é a representação simbólica de uma entidade, qualquer que ela seja, algo que permite identificá-la de um modo imediato.”
Branding refere-se à gestão da marca de uma empresa, tais como seu nome, as imagens ou ideias a ela associadas, incluindo slogans, símbolos, logotipos e outros elementos de identidade”

1º Erro: Não investir em comunicação visual forte e não estabelecer uma imagem consistente entre os meios digitais.
Isso inclui o conteúdo que está sendo distribuído, não faça “panfletagem online” de promoções, se você se posicionar com o produto mais barato do mercado, ele não terá valor algum na mente das pessoas, logo elas não irão enxergar necessidade de comprar de você, pois a sua marca não esta estabelecida.
Também não minta sobre os seus serviços, com tantas ferramentas à disposição, é simplesmente impossível enganar o cliente por muito tempo, ao invés disso, invista na valorização dos pontos fortes e agregue valor ao seu produto ou serviço.
2º Erro: Não trabalhar com Gestão de Relacionamento com o Cliente (CRM – Customer Relationship Management).
Responder mal ou simplesmente não responder uma mensagem ou comentário, cria um aspecto negativo na mente do seu consumidor, muitas empresas simplesmente ignoram o pedido, sugestão ou reclamação dos clientes, isso não é nada bom, sabe por quê?
Um cliente satisfeito tende a falar bem da sua empresa, pelo menos para uma pessoa, agora um cliente insatisfeito, fala mal da sua empresa para no mínimo, sete pessoas!
Por isso, se preocupe em dar uma resposta, se for um problema, é importante se colocar à disposição para resolver o assunto da melhor forma possível, se a crítica recebida for construtiva, agradeça e aja em cima.
3º Erro: Não saber quem compra de você.
Não entender o que o seu cliente quer saber sobre sua marca e sobre seu produto faz com que você distribua um conteúdo que não cause interesse. É necessário saber quem são seus clientes, qual faixa etária eles pertencem, onde moram e qual comportamento eles possuem, dessa forma você saberá qual linguagem usar, dessa forma, saberá o que falar, como falar e quando falar.

(Veja também: O que as agências não contam para você)

Uma solução simples é investir em um conteúdo irresistível e direcionado a sua persona

Conhecer o perfil do seu público-alvo, se basear na criação de conteúdos interessantes e que ganhe a atenção dos seus possíveis consumidores, isso deve ser a prioridade de qualquer empresa. Após despertar o interesse, essa pessoa vai perceber que o seu produto pode ajuda-la, então começará a avaliar as alternativas, isso inclui avaliar seus concorrentes, até o momento da decisão de realizar a compra. Se o seu Branding ficou bem estabelecido na mente dessa consumidor, você ganhou uma venda, e depois da compra, não esqueça de fideliza-la com um conteúdo relevante.
Então não ignore o planejamento de conteúdo, as ações de marketing de hoje terão influência sobre os resultados de amanhã. Ouça o que estão falando da sua marca, abstraia o que é bom e aprenda com as criticas para melhorar. Todo cliente compra de você por que ele quer ser transformado.

Tudo isso se resume a uma frase de Peter Drucker:
“A meta do marketing é conhecer e entender o consumidor tão bem, que o produto ou serviço se molde a ele e se venda sozinho”

Esperando que essas dicas tenham te ajudado a olhar para dentro do seu conteúdo e avaliar o que a sua marca esta transmitindo aos seus consumidores!